Voltar

1/10/2019

DIA DO IDOSO !


A nossa viso dos idosos mudou muito e est mudando ainda mais! Antes os vamos como pessoas frgeis que no deveriam ser expostas a estmulos. Agora, sabemos que precisam mesmo de estmulos e vrias perdas associadas com a idade so revertidas com o exerccio. Por exemplo, tem estudos mostrando que, em 22 semanas, os idosos voltam a ter os nveis de fora e massa muscular que pessoas 40 anos mais jovens! Alis, os estudos mostram que, quando treinados adequadamente, os ganhos de fora e massa muscular do idoso so iguais aos dos jovens. Outros mostram que idosos conseguem aumentar a carga nos treinos da mesma forma que os jovens! Olha que louco, seus avs tm a mesma capacidade de progredir que voc!! E ns a subestimando os idosos!

Esses ganhos so essenciais para uma boa qualidade e uma maior expectativa de vida. Estudos que acompanharam idosos por dcadas verificaram que, ao dividir homens idosos de acordo com seus nveis de fora (fracos, mdios e fortes), vemos que a chance de morrer nos mais fracos mais que o dobro em comparao com os mais fortes. Especificamente o risco de morrer por cncer aumenta 4,3 para os mais fracos!! Ou seja, se voc no treinar um idoso, ou treina-lo mal, voc est privando ele de ter uma chance 4 vezes menor de morrer!! Portanto, fazer exerccios para essa populao deveria ser OBRIGATRIO! Inclusive, existem pareceres dizendo que o profissional de sade que no prescrever exerccio para idosos estaria sendo antitico. Agora repare que falei treinar mal e coloquei no mesmo nvel que no treinar, pois temos estudos mostrando que treinar por conta prpria pode ser a mesma coisa que no treinar e, por outro lado, temos estudos com quase 400 idosos em que TODAS ganharam fora! Ou seja, no basta fazer, precisa fazer bem feito.

Ento vamos olhar mais para esse grupo maravilhoso que precisa muito de ns hoje e do qual faremos parte amanh! Como escrevi rpido e so muitas referncias no deu para coloca-las aqui, mas voc podero ver todos estudos e informaes de como treinar idosos nas aulas em www.aulas.paulogentil.com

leia mais

Você esta na página de